Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Super Coach do Cocó

O karma de (con)viver com Doenças Inflamatórias do Intestino.

Super Coach do Cocó

O karma de (con)viver com Doenças Inflamatórias do Intestino.

18.Mai.22

Uma DII não escolhe idades

Vera Gomes
  Doença é coisa de velhos, dizem... Mas a sabedoria popular já não é o que era... e se há coisa que sabemos hoje em dia é que uma doença é das coisas mais democráticas que pode haver! Não olha a idade, sexo, credo, sexualidade, rendimento, ambições, planos de vida... Mas o mesmo não se pode dizer de como a doença e o doente são encarados. É impossível, nos dias que correm, encarar uma DII de forma isolada, apenas como uma doença, sem ter em consideração toda a (...)
04.Mai.22

Qual a diferença entre SII e DII?

Vera Gomes
  Quase que aposto que quando alguém sabe da tua Doença Inflamatória do Intestino te diz algo como "Ai, eu de vez em quando também ando com a barriga toda desregulada!"... e sim, eu sei que por vezes só te apetece brindar a pessoa com o olhar da morte e desancá-la. Mas sabias que a Síndrome do Intestino Irritável é mais comum do que talvez julgues? Pois é! Esta condição afeta muito mais pessoas que a DII e há, inclusive, pessoas com DII que sofrem de SII. E se há muitos (...)
20.Abr.22

Como conViver com o diagnóstico?

Vera Gomes
  Agora que descobriste que a tua saúde levou uma traulitada daquelas que te deixou a ver estrelinhas, é tempo de compreender as fases que se seguem ao momento em que recebes a notícia. Sim, são as mesmas fases que percorremos no luto... isto porque a tua vida sem DII morreu, não existe mais. O teu eu, saudável e livre de doenças ficou lá atrás... no segundo antes de o médico abrir a boca e te dar o diagnóstico. E isto é um choque, porque é para a vida! Não é uma (...)
06.Abr.22

Porque é que isto me acontece a mim?

Vera Gomes
  Sempre que algo nos acontece é inevitável pensar "Porquê?", "Porquê eu?", "Será que fiz algo que não devia?", "Será que tive algum comportamento que tenha levado a isto?", "Será que a culpa é minha?"... É uma reação simplesmente humana! E não tens de te recriminar por ter esses pensamentos. É normal! Obviamente que haverá sempre fatores externos que podem contribuir para um risco acrescido na evolução da doença, mas não controlas nem a genética, nem a biologia! E (...)
23.Mar.22

Vamos usar o neurónio!

Vera Gomes
  Chás, rezas, mezinhas... plantas e plantinhas... remédios caseiros, ervas medicinais e benzimentos... osteopatia, naturopatia, e a filha da amiga da tia... já a acupuntura, nenhum intestino a atura... Purgas e charlatanices, saiam-me da frente com essas esquisitices! Bom... já deu para ver mais ou menos a direção do episódio de hoje, não já? Considero serviço público alertar para todas as formas como as pessoas com DII (ou de com qualquer outra doença, na verdade) são (...)
08.Mar.22

Como as DII afectam as mulheres?

Vera Gomes
Porque hoje é Dia da Mulher achei que seria interessante botar o microscópio sobre o modo como as Doenças Inflamatórias do Intestino afetam as mulheres e dissecar as várias formas como as nossas vidas são impactadas por estas doenças. Sim, eu sei que somos pela igualdade e pela equidade (principalmente neste dia!) mas na biologia nem sempre as coisas funcionam dessa forma e há, sem forma de dúvida, algumas áreas que homens e mulheres são afetados de forma diferente. E se há (...)
23.Fev.22

De que vacinas precisas com uma DII?

Vera Gomes
  Com a pandemia que fez com que praticamente 2 anos das nossas vidas fossem anos de caca (e de caca percebemos nós!!) um dos temas mais badalados foi "vacinas"! Fica desde já o aviso à navegação que aqui deste lado a opinião é de que vacinas salvam vidas. Se não concordas escusas de perder tempo a ouvir isto! Mas atenção que não me refiro apenas aos coronavirus desta vida (sim, há mais que um!). Falo também de gripe, varicela, hepatite, e até aquelas vacinas malucas que (...)
09.Fev.22

Na cama com... uma DII!

Vera Gomes
    Se uma Doença Inflamatória do Intestino nos obriga muitas vezes a ser ladies na mesa, por que não saber como podemos também ser loucos na cama? Por isso, vamos lá falar de Karaté alentejano, funaná pelado, mambo na horizontal, que lá porque temos uma doença não significa que morremos para as coisas boas da vida!! Hoje a Super Coach do Cocó incorpora também a sabedoria das áreas adjacentes ao intestino e explica como podes tornar a tua experiência sexual, seja qual for (...)